O cantor Danilo Teoro da banda Late in the Day lança seu 1º álbum solo

Compartilhe:

Com uma pegada mais pro Folk Rock,  o álbum conta com 9 canções autorais escritas ao longo de sua carreira.

É um álbum que resgata um pouco mais das suas referências do folk, como é visto pela carreira de Bruce Springsteen, Neil Young, Bob Dylan, pela carreira solo do Eddie Vedder (principalmente a trilha sonora do filme  “Into the Wild)”, e também por cantores nacionais, como Almir Sater, Renato Teixeira, Zé Geraldo e Belchior. Algumas letras também têm muita influência de Renato Russo. Curvas Na Estrada (partes I e II) são exemplos de letras inspiradas nas canções da Legião Urbana. São canções sem refrão, que contam uma história em camadas, nada muito literal.

/teôro/como se chama o álbum, foi criado para fugir um pouco da proposta da sua banda Late In The Day, que é mais voltada para o rock internacional.

“Mera Reflexão”, a faixa que abre o disco, também segue essa linha sem refrão, e foi a primeira canção completa escrita pelo cantor.  “Eu li a frase “Quantas coisas perdemos simplesmente por medo de perder” em algum lugar, achei interessante e parti dali. O riff foi criado por um grande amigo de adolescência, o Luis Carreira. A letra é exatamente a mesma de tantos anos atrás. Eu não quis tentar deixa-la mais bem trabalhada ou menos ingênua que do o que foi escrito. Quis manter a essência da canção original. “,  comenta Danilo.

“Vinho ou afeto”, escrita em parceria com o artista Raphael  Ota, de São Paulo, e Ambigrama são as duas outras canções de amor do álbum.

“Quem atira” será a próxima música de trabalho desse disco, feita em parceria com Oswaldo Botrel da banda mineira Zepherin. “Oswaldo trouxe a melodia e eu coloquei a letra que refletia, e ainda reflete, o meu pensamento pré-eleições de 2018. É uma canção bem direta e politizada.” Comenta Danilo sobre a canção.

“Just Maybe” e “Meeting with the Boss” são as duas canções do disco cantadas em inglês. A primeira é uma canção politizada, mas menos literal, o tipo de canção que pode ser interpretada diferentemente por cada ouvinte.  A segunda é uma homenagem do cantor a um amigo já falecido, com citações a trechos de bandas que ambos escutavam, como Bon Jovi, Bruce Springsteen, Oasis, Pink Floyd e outras referências.

“Algo Lindo”, é o primeiro single do disco e tem clipe lançado. É uma canção de amor que foi inicialmente escrita em português, mas foi gravada em inglês pela sua banda, com o nome Fond of You.

Assista!

 

A banda de apoio que faz parte desse álbum conta com Alan Ramos na bateria, Matheus Leite no baixo, André Romeiro na guitarra e gaita e Alessandro Perê nos pianos. Para conhecer o trabalho do artista, você pode acessar as plataformas de streaming, o álbum /teôro/ já está disponível.

 

Compartilhe: